ERA UMA VEZ NOS SETE MARES

 

Era Uma Vez Nos Sete Mares

Era uma vez um sonhador
Que cruzava os sete mares
De um mundo que afundava
Para fora de toda poesia.

Remava contra a revoada
De cada salto sem volta,
Em uma confusão de asas
Que toda dor confundia.

Mas remava à favor da cor,
Mesmo quando anoitecia;
Remava a forma coroada
De cada estrela que surgia.

Era uma vez um sonhador,
Um simples e louco remador,
Que buscava por uma palavra
Capaz de despertar a poesia

Que a profundidade esqueceu
Enquanto o mundo todo dormia.

 

Anúncios

~ por jeronimooo em agosto 9, 2013.

4 Respostas to “ERA UMA VEZ NOS SETE MARES”

  1. Saudades. Um desenho atual: https://fbcdn-sphotos-b-a.akamaihd.net/hphotos-ak-ash4/1069824_159473017576479_1275742401_n.jpg

    Abraços.

  2. Com certeza esse poema é uma tradução de você mesmo. Ainda bem que existem pessoas assim! Se eu não consigo mais ser, pelo menos posso ler algo de alguém que é e sempre será assim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: