EURÍDICE

 

Eurídice

Abri as asas da madrugada,
Forcei a pele contra o vento,
Como se pudesse rasgar as ruas,
Correndo no meio do trânsito,
Para colidir com as luzes,
Dos faróis dos carros,
Dos faróis das ilhas.

Tentei beijar o perfume do mar,
Naufragando os lábios na areia.
Busquei pelo gosto da corrente,
Queria morder a âncora,
Romper com o chão…
Tentei libertar a profundidade
Mas a profundidade libertou um sol.

Amanheceu.

 

Anúncios

~ por jeronimooo em julho 9, 2013.

5 Respostas to “EURÍDICE”

  1. Lindo isso! =)

  2. hi
    very nice web.

  3. […] https://sonhonosonho.wordpress.com/2013/07/09/euridice/ […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: