MISTÉRIO

Mistério

Um navio quase perdido
Um mapa todo queimado
Mãos que me procuram
No contorno do mar

E se eu te dissesse
Que já estás em meu quintal?

Num portão de madeira
Numa cortina de sonho
Olhos que se despedem
Visões de minha chegada

E se eu te recebesse
Com os meus olhos fechados?

Em uma estrada sem reta
Nestas curvas floridas
Perfumes que se beijam
Na velocidade da luz

E se eu te alcançasse
Com um par de asas abatidas?

Num vôo eletrificado
De uma chuva sem céu
Tempestades que me chamam
Ecos de uma ave iluminada

E se eu só te tocasse
Com perguntas sem respostas

Você me amaria também?

Anúncios

~ por jeronimooo em janeiro 4, 2013.

Uma resposta to “MISTÉRIO”

  1. Sempre!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: