MOBY DICK

* Texto feito em colaboração com meu companheiro de Uivo, Faozi.

Longe dos portos que deixaram gritar
Longe das ruas onde longe não há
Longe dos passos de alguém a perseguir
Dentro das ilhas, quem vai descobrir?

Pois dentro do peito há muito vento
Dentro da casa há muito vento

E faz tanto tempo que está tão pertinho de chegar tão longe

Onde foi que deixaram quebrar
Quem quebrou e jogou no mar
Quem falou que era só pedir
Dentro do quarto até o quinto sair

Mas dentro do peito há muito vento
Dentro da casa há muito vento

E faz tanto tempo que está tão pertinho de chegar tão longe

De chegar tão longe
Que não possa mais voltar.

Anúncios

~ por jeronimooo em dezembro 14, 2011.

Uma resposta to “MOBY DICK”

  1. Soa como musica…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: