POEMA VIRA-LATA

Vira Lata

Vim aqui desfazer o laço dessas palavras
Pois todo bom vira-lata vem e vai como quer
Estou roendo os ossos dos meus fantasmas
Mas se você me atirar um sorriso eu largo tudo
Vou correndo buscar a própria vida pelo cangote
E volto em seguida para continuarmos a brincadeira
Mas se nessa hora você já tiver ido embora
Eu saio atropelando as multidões das minhas feridas
E vou buscar o meu próprio sorriso pelos caminhos
Pois todo bom vira-lata sabe se virar sem nada
E eu sempre continuarei para te ver sorrindo
E eu sempre continuarei desenlaçando buscas
Pois essa é a vontade destas palavras vira-latas.

~ por jeronimooo em março 19, 2011.

Uma resposta to “POEMA VIRA-LATA”

  1. tem faro de perdigueiro…Abrs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: