CHUVA DE VERÃO

 

Estive dentro e fora da tempestade
Descosturando pássaros em seu corpo
Abrindo a flâmula do firmamento
Até sentir o tremor do primeiro raio
A primeira e única melodia que pousa
Eletrificando os domos desse templo
Que juntos erguemos e destruímos
Em louvor ao deus de um momento
Que nasce e renasce entre nuvens
No vôo de tempestades passageiras.

 

Anúncios

~ por jeronimooo em março 5, 2011.

Uma resposta to “CHUVA DE VERÃO”

  1. The walk has all been cleared by now
    Your voice is all I hear somehow
    Callin out winter,
    Your voice is the splinter inside me
    While i wait…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: