PARAQUEDAS

 

As pálpebras se fecham
Ela está caindo agora
Na cadência veloz do sono
A cama não já não segura
Nenhum pensamento prende
Ela está caindo de fora para dentro
Mas eis que um paraquedas se abre
Então ela fica suspensa
E com uma das mãos consegue tocar
O rastro de uma estrela do céu
E um dos pés ela mergulha e sente
A textura de uma estrela do mar.

Anúncios

~ por jeronimooo em maio 10, 2010.

2 Respostas to “PARAQUEDAS”

  1. Me deu ate frio na barriga :O

  2. e é assim mesmo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: