AREIA E VENTO

 

dissipando a eternidade

Distâncias desperdiçadas pelo abraço
Dois predadores famintos e enjaulados
A platéia sussurra:
“Deixem as crianças brincarem”
E eu te pergunto, meu Amor:
O que restará de nós depois disso tudo?

Pegue tudo que quiser
Nada me pertence
Nem mesmo essas palavras
Por que fugir?
Ainda não me acordei
E aqui é possível
Não adianta fugir
A fronteira é nosso único abrigo
Mas nada nos protege
É assim no deserto
É assim em meus braços
A jaula é apenas mais uma duna
Que o vento dissipa
E você sabe
O vento leva tudo embora
Eu mesmo sou mais uma duna
Dissipando
Sim, nós sabemos
A fronteira é um espelho
E o meu reflexo é um abismo
É inevitável
Mas nem essa certeza me pertence
Viu só?
O vento já levou embora
Agora é a nossa vez.

Anúncios

~ por jeronimooo em julho 23, 2009.

4 Respostas to “AREIA E VENTO”

  1. O vento leva tudo, e leva suas palavras até aqui.

  2. “Distâncias desperdiçadas pelo abraço”
    abraços desperdiçados pela distância…

    ^^

  3. quem é o teu amor?

  4. a fronteira é o nosso único abrigo…
    mas até isso o vento leva embora…
    mas então pra que serve a fronteira?
    ela é o conhecimnto do fogo e do vento…
    atrás a ponte se queima…a frente ela não existe !!!
    mas ali…naquele mísero segundo entre fogo e vento – QUE É SEMPRE – algo pode ser feito !!!
    mas sim, nem essa certeza me pertence !!!
    viu só ?
    o vento já levou embora…
    mas meu coração…
    nunca parou de bater um só dia !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: