PRECE

 

prison

Por tudo que eu ainda não sei
Por tudo que eu ainda não alcancei
Estradas abertas nesse espaço fechado
O som do motor que devora o vazio
Por tudo que não quer se contentar
Por tudo que não irei me ajoelhar
Essa prece é um grito no escuro
Uma oferenda no altar da solidão
Por tudo que você sabe
Por tudo que você pressente
O sol tocando em seu rosto
E a vontade de ir brincar lá fora.

Anúncios

~ por jeronimooo em julho 15, 2009.

4 Respostas to “PRECE”

  1. amém!;

  2. a prayer for the wild at heart, kept in cages…

  3. que a porta se abra, o sol seja véu e a brincadeira, uma oração antiga…

  4. Please…get up of your knees

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: