PRISMA

dark_side

Limousines negras lá fora
Esperam a nossa rendição
Mas ainda temos um propósito
E alguma paixão para persistir
Ondas cristalinas aqui dentro
Desmancham o cenário de nossa aridez
A jangada está pronta
Mas estamos preparados para mergulhar?
Decadência onipresente
Sonhos que desabam como torres
Mas eu acordo erguendo a voz
Sinalizadores que riscam o céu te chamando
Limousines irão embora
E será um cortejo vazio
Ondas irão cobrir
O deserto e as miragens
Torres irão cair
Dentro de realidades que não sonharemos mais.

Anúncios

~ por jeronimooo em março 1, 2009.

2 Respostas to “PRISMA”

  1. Como uma jornada sonhada. Não acorde…

  2. Jamais devemos deixar de acreditar nos nossos sonhos e em nossas paixoes…nao podemos deixar a chama apagar….
    Qd é verdadeiro o vento dentro do tempo nao apaga…e além da paixao esta o amor…aquele..sublime…imortal que nao se pode tocar, mas verdadeiro, que poucos podem alcançar!
    Imortal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: