ATÉ CHEGAR AQUI

 

fronteiras

Fugitivo cruzando o rio
Mas há perseguidores na outra margem também
Nessa hora eu ouço você cantando:
“Deixe-se levar, deixe-se levar”
E a correnteza me leva…

Criança acordando do pesadelo
Mas há monstros embaixo da cama também
Nessa hora eu te ouço inflamando:
“Deixe queimar, deixe queimar”
E a vela está acesa…

Operário no fim do expediente
Mas há um outro emprego de noite também
Nessa hora você diz, como que lembrando:
“Deixe estar, deixe estar”
E a faca vai ficando afiada…

Mergulhador emergindo
Mas há falta de ar na superfície também
Nessa hora eu sinto suas palavras soprando:
“Deixe ventar, deixe ventar”
E a janela se abre…

Então
Quando finalmente atravesso esses portões
Quando chego exatamente aqui
Eu olho bem em seus olhos
E isso diz tudo.

Anúncios

~ por jeronimooo em fevereiro 9, 2009.

2 Respostas to “ATÉ CHEGAR AQUI”

  1. “deixa ser como será, eu vou sem me preocupar
    e crer pra ver o qnto eu posso adivinhar… ♫
    (Retratro pra Iaiá – LH)

    ^^

  2. É deixe estar…deixe estar….
    nao adianta fugir…a essencia é maior do que nós mesmos!
    Deixe a vela queimar..vc saberá!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: